Epichurus

Natação e cia…

Drops

30 anos hoje

Fiz as contas e vibrei quando descobri que esse meu post de despedida de 2015 cairia no dia 21 de dezembro, pois hoje faz exatamente TRINTA ANOS do pódium desta foto, o dia em que meu amigo Rodrigo de Camargo Barros conquistou o brasileiro nos 50 livre Juvenil A.

50L_JuvA_1985

21/12/1985 50m Livre Juvenil A:  1- Rodrigo de Camargo Barros 2- Sergio Martins 3- Gilberto Silva.

Trata-se do primeiro título brasileiro masculino do Clube Paineiras do Morumby na natação (*), fato histórico. Poucos dias antes do feito Rodrigo havia descolorido o cabelo, o que chamou quase tanta atenção quanto o seu porte físico. No pódium em segundo lugar está Sergio Bretzel Martins, o Carioca, nadador do Paulistano que era zebra mas quase ganhou a prova, e em terceiro o campeão dos 100m livre Gilberto Silva (que depois mudou o nome para Gilberto Sayão e é hoje uma das pessoas mais ricas do Brasil).

(*) no feminino Endyra Cordeiro (1984), Adriana Ruggeri (1984) e Luciana Fleury (1985) já haviam alcançado o feito, que já foi mencionado em posts anteriores. Mas nunca é demais repetir as fotinhos delas, não é?

Fuga das Ilhas ou “por que é que a gente é assim?”

Nadei minha quinta competição nesse ano, o Fuga das Ilhas, e foi muito bom encontrar velhos amigos como o Marcos Peano (ver foto), que é de 1966 e compartilha uma vez a cada 5 anos a mesma categoria que eu (sou de 1970). Da velha guarda (entre outros) também estavam LAM, Fralda, Danilo Pellegrino, Waldyr Arid e até a Liene Carla Pires!

FDI_2015

OBS: o pódium é fake, mas não espalha…

2015 foi o ano que mais competi desde que abandonei o Triathlon em 2003, e chega a ser muito engraçado perceber que algumas coisas nunca mudam: aquela sensação de ficar avaliando o próprio corpo a cada 30min na semana do polimento, o temor de ir mal, os questionamentos sobre se o treino foi bem feito, a tradicional dificuldade para dormir no dia anterior, o nervosismo minutos antes da largada e a pergunta sempre rondando “por que catzo eu fui me inscrever?”.

Esses sintomas aparecem em todas as competições e (embora desagradáveis) eu hoje consigo refletir sobre eles e até me divertir enquanto estão ocorrendo e aí me faço a pergunta “por que a gente é assim?”. Ainda não descobri a resposta.

Mas então por que continuamos? A experiência mostra que indo bem ou mal, quando tudo acaba o sentimento de realização vale a pena. Sempre. E por isso seguimos competindo (de vez em quando).

Matador de dragões

Por sugestão do leitor Paulo Cézar Braga nos comentários de um post, comprei e devorei o livro Matador de Dragões, que conta a (espetacular) história do maior corredor brasileiro de todos os tempos (e um dos maiores do mundo), Joaquim Cruz. Portador de um talento bruto incomensurável Joaquim conquistou tanto e ao mesmo tempo “deixou na mesa” muita coisa por causa das inúmeras contusões. Um livro para ler em um fôlego só, recomendo.

joaquim

Os dragões, no caso, são os inimigos internos, os pensamentos negativos, o medo de perder, o medo de passar vergonha. Sentimentos que são comuns aos atletas do olimpo e aos pebas como nós. De novo, “por que é que a gente é assim”?

Filhote na água

Sobre os dragões, vocês acham que era difícil domá-los antes das provas? Esperem só até terem um filho perfilado atrás de uma baliza! No meu caso, eu não tinha (juro) nenhuma expectativa por um resultado x, y ou z, mas sim o desejo profundo de que ele ficasse satisfeito com o que fez após meses de dedicação.

Avalie nas fotos abaixo se você acha que ele gostou!

E como vocês bem sabem, não existe QUASE NADA melhor do que obter um bom resultado baseado em muita dedicação!

Balanço e Feliz Natal

E o Epichurus teve um ano muito bom. Foram 67 posts (de um total de 360), com os quais batemos os recordes de visualização diárias, semanais, mensais (novembro 2015) e anuais de visualizações.

Agradecemos a você mesmo que está lendo isso agora, e aproveitamos para desejar um Feliz Natal e um ótimo ano olímpico conosco aqui no Epichurus, claro, mas só a partir de fevereiro, porque em janeiro até o velho filósofo grego tem que descansar um pouco!

gorronoelpiscina

Ho Ho Ho… Boas festas!

Sobre rcordani

Palmeirense, geofísico e nadador master peba.

11 comentários em “Drops

  1. Luiz Alfredo Mäder
    21 de dezembro de 2015

    Bom Natal galera!

  2. Rodrigo M. Munhoz
    21 de dezembro de 2015

    Putz… Mais uma vez, conflitos de agenda de final de ano me impediram de voltar a Fuga das ilhas. Pena, pois eu gosto dessa travessia e este ano deve ter sido boa, a considerar o quorum de PEBAs!
    E parabéns pelo seu filho. Tenho acompanhado essa trajetória jovem e acho que ele está num bom caminho. Espero que continue muito satisfeito e feliz! Ainda que cada criança seja muito diferente, estou de olho na trajetória dele até mesmo para orientar os meus com mais pragmatismo e segurança.
    Boas Festas!

  3. felipecasas
    21 de dezembro de 2015

    Feliz bata e ano novo a todos. E, como nunca é demais, parabéns a todos pelo epichurus!

    Abraços

    • rcordani
      5 de janeiro de 2016

      Valeu Felipe, um dos nossos leitores mais assíduos!

  4. antonio carlos orselli
    22 de dezembro de 2015

    Boa, Cordani! Parabéns pelo bom ano, principalmente pela cara de felicidade do seu filho após a competição. Um feliz e santo Natal pra todos os que acompanham, curtem e comentam os posts do Epichurus. E, qualquer dia lhe conto “porque é que somos assim”. Abraço grande, galera!

    • rcordani
      5 de janeiro de 2016

      Boa Orselli, obrigado. E já estou no aguardo da sua história de como somos assim!

  5. Rodrigo C Barros
    22 de dezembro de 2015

    Renatão muito obrigado pela lembrança!
    Estas recordações jamais sairão da minha cabeça !
    Só ficam um pouco distante!
    Mas oque mais importa para mim é as amizades que temos desde esta época.
    Estas são as verdadeiras amizades que fizemos em nossas vidas!
    Sem interesses nenhum , amizades puríssimas que duram até hoje! Cada um na sua correria do dia a dia mas que não esquecemos um dia sequer de lembrar destes amigos!
    Um Feliz Natal e Próspero 2016 ,para esta família da Natação que jamais sai de nossas cabeças !

    • rcordani
      5 de janeiro de 2016

      Grande abraço Rodigest, e o sr tá velho hein? 30 anos!

  6. Lelo Menezes
    23 de dezembro de 2015

    Boa! Lembranças bacanas desse JD. Feliz Festas a todos!

  7. Paulo Cezar Braga
    4 de janeiro de 2016

    Que legal que gostou do livro, fiquei feliz de ver meu nome aqui, pois respeito muito o epichurus! Difícil achar quem escreve pensando o esporte! Tenho carinho especial pelo Fuga pois foi minha primeira travessia, aos 32 anos. Feliz 2016 pra vcs e que venham muitos post por ai!

    • rcordani
      5 de janeiro de 2016

      Valeu Paulo Cezar, grande abraço e feliz 2016.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Follow Epichurus on WordPress.com
dezembro 2015
S T Q Q S S D
« nov   jan »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
%d blogueiros gostam disto: