Epichurus

Natação e cia…

Epichurus para iniciantes e Cenas …

O alcance do blog Epichurus continua crescendo. Nas últimas semanas inclusive registramos alguns “recordes mundiais epichureanos” de visitas. Obrigado! Apesar de já termos passado a barreira dos 23,000 acessos, como escritores amadores e blogueiros neófitos, aprendemos algo a cada nova semana. Por exemplo: Recentemente, notamos que alguns textos chamaram atenção pelas fotos. Isso nos levou a pensar uma nova categoria dedicada à imagem, que talvez sirva como um repositório virtual da nossa memória de nadadores. Outros textos geram polêmica e acabam atraindo uma audiência mais ampla e diferente da “usual”. Os textos mais “quentes”, normalmente envolvem economia e política e geram muitos comentários e interessantes discussões online. Como alguns já notaram, os nossos colaboradores fazem questão de responder, comentar e mediar eventuais discussões que surgem. Continuaremos fazendo isso, no limite do razoável e na medida que nossos “daytime jobs” permitirem.

Sobre esse ponto das “polêmicas”, é bom que se esclareça algo aos novos leitores e aqueles que são apenas visitantes ocasionais: o Epichurus é um blog de opiniões e cada um tem a sua – assim como certas características anatômicas. Dessa forma, os textos aqui publicados expressam opiniões pessoais e intransferíveis, seja para o blog, seja para outros escribas que aqui possam estar presentes. Por isso assinamos cada texto e nos expomos como os PEBAS que somos. E por que seria importante lembrar isso? Primeiramente, porque somos um grupo diverso e às vezes mesmo os colaboradores tem que “concordar em discordar” – termo já usado aqui, inclusive. Em segundo lugar, é bom que saibam que preferimos o barulho das discussões e do desacordo ao silêncio da censura ou da homogeneidade. Admiramos os argumentos bem construídos, o embasamento com dados sólidos e os novos ângulos em assuntos antigos. Se às vezes parecermos demasiadamente “envolvidos” ou “apaixonados” pelos temas, é porque somos mesmo.

Bacalhau no feriado? Não tente isso em casa. (Jericoacoara ’93)

E aproveitando que estamos falando da nossa audiência, análises recentes indicam que o número de visitas ao blog cai muitíssimo durante os feriados. Por esta razão, podemos pré anunciar que não teremos um novo texto nesta quinta.  Na verdade, tem também o fato de termos vidas pessoais (o blogueiro inicialmente agendado para hoje, por exemplo, já deve estar em seu idílio distante, quiçá sem acesso a internet), que acaba afetando o nosso “SLA”… para reclamações, favor conversar com o Renato Cordani ou qualquer outro PEBA…

A semana que vem, porém, trará novidades, já que teremos a estréia de um novo “PEBA”, contando sua saga pessoal aqui no Epichurus. Não estou autorizado a revelar quem é o cara, mas dou umas dicas: ele nem era tão Peba assim, fala “leite quente” de um jeito especial e possui uma memória virtualmente enciclopédica. Vale a pena esperar!

Sobre Rodrigo M. Munhoz

Abrace o Caos... http://abraceocaosdesp.wordpress.com

18 comentários em “Epichurus para iniciantes e Cenas …

  1. Rogério Romero
    14 de novembro de 2012

    Há. Com estas dicas, não é necessário nomear. Seja bem vindo

  2. Rodrigo Munhoz
    14 de novembro de 2012

    Será que entreguei dicas demais, Piu? 🙂 xiii… era pra gerar suspense…:-) Abração!.

  3. eduardoestefano
    14 de novembro de 2012

    Se alguém esqueceu com quanto passou os 400m daquela prova de 1500 de um torneio de uns 20 anos atras vai ter a chance agora de perguntar pro homi.

  4. Rodrigo Munhoz
    14 de novembro de 2012

    Pois é, Dudu… exageros a parte, o cara além de guardar os tempos oficiais da galera, tem muitas “passagens” e passagens memoráveis na cabeça. Abraços!

  5. ruy araujo
    14 de novembro de 2012

    Opa. Aguardo o texto do novo integrante.
    Com relacao a fotos para gerar audiencia, vi que minha pessoa esta na foto acima, provavelmente extraida do arquivo pessoal do Renato. Posso dizer o que aconteceu apos ela ter sido tirada. Dei uma pirueta, derrubando Renato e Charles e, com um chute no vacuo, mandei os dois ribanceira abaixo em Jericoacara.

    • Rodrigo Munhoz
      14 de novembro de 2012

      Bingo. Foto do acervo Cordanístico. Quanto ao seu relato, eu acredito até a parte da pirueta. O trauma posterior e o tempo podem ter lhe confundido um pouco. Mas é uma bela foto, sem dúvida. Abraços!

    • Lelo Menezes
      14 de novembro de 2012

      Essa viagem a Jericoacoara foi sensacional! Pena que 78,54% dela não pode ser publicado em blog algum!

      • rmmunhoz
        14 de novembro de 2012

        que nada Lelo… exagero seu… faz um post detalhado ae! abraços e bom feriado!

  6. rcordani
    14 de novembro de 2012

    Valeu Munhoz. Só não precisava dar o meu nome aos reclamantes, passei a madrugada recebendo telefonemas! 🙂

    Quanto à foto, cena corriqueira à época, tipicamente fazíamos isso logo após a malhação do judas. Reparem no tamanho das cabras na praia para perceberem a altura do bacalhau: a duna era deveras alta…

  7. Rodrigo Munhoz
    14 de novembro de 2012

    Foi mal, mas você parece ter a cara e atitude corretas para ser o Ombudsman deste blog… calmo, compreensivo, fácil empatia e acima de tudo, alerta. 🙂
    Quanto à altura da duna, o trauma deixado no Rrrruy (quase 20 anos depois) dispensa explicações adicionais. Mas, já que “aquilo que não nos mata, apenas fortalece” proponho uma reedição terapêutica deste bacalhau na próxima oportunidade. Abraços!

  8. Oscar Godoi
    14 de novembro de 2012

    Bem legal o blog, continuarei seguindo direto dos EUA. E bom relembrar algumas das hitorias do nosso tempo.

    • rmmunhoz
      14 de novembro de 2012

      Valeu, Oscar! Em breve vai ter um post novo que vocêvai curtir bastante, acho… fique ligado! Abraços!

  9. Fernando Cunha Magalhães
    15 de novembro de 2012

    Munhoz, o conflito de ideias em exposições bem estruturadas demonstra que o assunto em questão tem significado para as partes. Mesmo com as paixões envolvidas, quando atingimos um bom grau de discernimento podemos rever nossos pontos, dar um passo atrás, ampliarmos nossas visões e evoluirmos pessoal e até profissionalmente.
    Seu texto é leve, objetivo e muito bom.
    Aproveitando o feriado, tomei um café com a Rafa e a Nana (Duda ainda dorme) e depois lemos juntos. Aqui houve consenso, “concordar em discordar” é primeiramente sinal de respeito e uma grande oportunidade de crescimento.

    • Rodrigo Munhoz
      15 de novembro de 2012

      Valeu, Magalhães! O momento do mundo e do país provavelmente requer justamente isso: Perspectiva, conversa, respeito e evolução. E café com a família no feriado também ajuda bastante, né? Abração!

  10. Alvaro Pires
    16 de novembro de 2012

    Munhoz, o blog tah muito bacana por reunir opinioes diversas. Acho legal tb as visoes de diferentes lugares. Dah p enxergarmos isso claramente nas posicoes. Sempre q dah tempo eu me posiciono. No post do Pacheco eu queria ter feitos alguns contra-pontos mas nao o fiz por fallta de tempo/preguica. O texto tava muito bem embasado, entao faltou disposicao minha p dialogar um pouco. Concordar ou nao faz parte mas o q me deixa mais chateado sao os anonimos. Mais ateh do q algumas opinioes fortes e muitas vezes “quase” desrespeitosas. ab gr

    • rmmunhoz
      20 de novembro de 2012

      valeu, Vreco! outras oportunidsdes virão… ou se tiver um tempo neste feriado, mete bronca 🙂
      abraços!

  11. Anônimo
    19 de novembro de 2012

    Com corda ou sem queridos amigos.
    Qndo mais novo costumava fazer e receber bacalhaus nas piscinas, mas esse na duna do por do sol de JeriTACARA é hardcore!

    Parabéns pelo recorde de acessos.

    Sigamos em frente.

    • rmmunhoz
      20 de novembro de 2012

      Felizmente, o Rrruy sobreviveu ao megabacalhau (com pequenas sequelas, quase imperceptiveis). abraços!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 14 de novembro de 2012 por em Cenas..., Epicuro.
Follow Epichurus on WordPress.com
novembro 2012
S T Q Q S S D
« out   dez »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
%d blogueiros gostam disto: